Por Bruno de Freitas Moura – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro

As refinarias da Petrobras atingiram um recorde de capacidade em agosto. O Fator de Utilização Total (FUT) alcançou 97,3%, o maior desde dezembro de 2014, de acordo com dados divulgados pela companhia na última sexta-feira (8/9).

A produção de diesel total no mês passado foi de 3,78 bilhões de litros, a maior do ano. Já a produção de diesel S10, produto mais moderno, sustentável e com baixo teor de enxofre, chegou a 2,37 bilhões de litros.

Principais refinarias da Petrobras 

Segundo a companhia, se destacaram na produção mensal recorde de S10 as Refinarias Alberto Pasqualini (Refap), com 258 milhões de litros; Refinaria Presidente Bernardes (RPBC), com 329 milhões de litros; e Refinaria Paulínia (Replan), 609 milhões de litros.

As refinarias são instalações que transformam o petróleo bruto, extraído dos campos, em diversos produtos, como diesel, gasolina, querosene de aviação, gás liquefeito de petróleo, lubrificantes, entre outras substâncias que servem de matéria-prima para outros produtos.

Oferta no mercado nacional

O comunicado da estatal afirma que “os resultados são importantes para o amortecimento da volatilidade de preços do mercado externo”. Segundo Claudio Schlosser, diretor de Comercialização, Logística e Mercados, “a ampliação da produção de diesel S10 nas refinarias contribui para a nossa estratégia comercial, que prevê a prática de preços competitivos de maneira rentável e sustentável”.

Para William Françao, diretor de Processos Industriais e Produtos da Petrobras, “a otimização dos processos está permitindo ampliar a produção nas unidades e a oferta de derivados no mercado nacional com rentabilidade”.

Desde maio deste ano, a Petrobras vem identificando recordes sucessivos em relação à capacidade das refinarias. A companhia explica que o cálculo do FUT leva em consideração “o volume de carga de petróleo processado e a capacidade de referência das refinarias, dentro dos limites de projeto dos ativos, dos requisitos de segurança, de meio ambiente e de qualidade dos derivados produzidos”.

O parque nacional de refino da Petrobras é composto por 10 refinarias: Abreu e Lima (PE), Refinaria Lubrificantes e Derivados do Nordeste (CE), Refinaria Capuava (SP), Refinaria Duque de Caxias (RJ), Refap (RS), Refinaria Gabriel Passos (MG), Refinaria Presidente Getulio Vargas (PR), RPBC (SP), Replan (SP) e Refinaria Henrique Lage (SP). Além disso, está em construção o Polo GasLub Itaboraí (RJ).

Edição: Valéria Aguiar

Crédito da foto em destaque: DepositPhotos

Confira notícias relacionadas